mkt21.png
Buscar
  • Market21

Retorno aos escritórios em 2021 está entre ações da everis que visam bem-estar e produtividade

Retorno aos escritórios em 2021 está entre ações da everis que visam bem-estar e produtividade dos colaboradores e excelência de atendimento aos clientes



Retorno aos escritórios em 2021 está entre ações da everis que visam bem-estar e produtividade dos colaboradores e excelência de atendimento aos clientes

Respostas à Covid-19, encampadas pelo CEO, são aprovadas por talentos e clientes, por assegurarem saúde, bem-estar e produtividade aos profissionais, assim como excelência e agilidade no atendimento aos clientes. Iniciativas bem-sucedidas permitiram programar retorno aos escritórios, em modelo híbrido, só em 2021


A everis<https://www.everis.com/brazil/pt-br>, consultoria multinacional de negócios e TI, do grupo NTT Data, respondeu ao desafio de manter suas operações diante da pandemia da mesma forma como responde às demandas do mercado, com proatividade, flexibilidade, segurança e eficiência. “Essa postura permitiu à everis apoiar e dar segurança aos seus colaboradores, garantindo sua saúde e bem-estar e, ao mesmo tempo, tranquilizar nossos clientes em relação à continuidade da operação, oferecendo qualidade de atendimento, maior produtividade e agilidade nas entregas”, comemora Ricardo Neves, CEO da everis, que assumiu o cargo em plena pandemia, em 2 de abril.


Anunciada a quarentena em função da pandemia do Covid-19, em poucos dias, a everis conseguiu tomar todas as providências necessárias para garantir que seus 2.439 profissionais, na época, começassem a trabalhar remotamente (a partir de 23 de março até agora). De imediato, a consultoria destinou também um valor específico e igual para todos os colaboradores fazerem ajustes para melhoria da ergonomia em seus ambientes de home office, a fim de ajudá-los a manter a saúde e a produtividade.


A consultoria também foi uma das primeiras a se comprometer a não realizar demissões durante a quarentena, aderindo a iniciativa do #nãodemita. Pelo contrário, desde março, adaptou seu processo de on-boarding, fazendo todas as contratações on-line, e desde então admitiu em média 150 pessoas por mês. “No total, fizemos mais de 800 contratações até agosto, sendo 10 delas para o C-Level, e prevemos a contratação de cerca de mais 400 pessoas até o fim do ano. Isso porque temos o compromisso de atender aos clientes, trabalhando sempre em sinergia, o que temos feito desde o início da crise até agora ao ingressarmos no novo normal”, informa Neves.


O CEO reporta que, felizmente, os negócios da everis Brasil estão indo muito bem. “A produtividade e a qualidade da entrega dos serviços aos clientes cresceram e já superamos as metas originais deste período do ano fiscal, que termina em março”, reforça. Ele explica também que a everis está alinhando todos os seus protocolos de segurança aos dos clientes, a fim de assegurar uma volta segura ao trabalho de seus colaboradores, seja para seu escritório ou dos clientes.


Preocupada com a saúde física e emocional dos colaboradores, bem como em identificar se tinham condições adequadas para o trabalho remoto, a everis realizou, em maio, a pesquisa “Trabalho remoto durante a quarentena”. O objetivo foi compreender junto aos colaboradores como o regime de quarentena estaria impactando a relação com o trabalho remoto, principalmente o ritmo de trabalho e as relações profissionais, a sobreposição entre tarefas profissionais e domésticas, além do bem-estar dos colaboradores.


“Ficamos positivamente surpresos com a participação de 1319 colaboradores, dos quais 75% afirmaram ter facilidade em manter o mesmo ritmo de trabalho, 64% afirmaram ter mais tempo com a família e para lazer e 91% informaram querer trabalhar mais remotamente depois da quarentena”, detalha Neves. A primeira enquete mostrou também que as pessoas ganharam em média 18% de tempo a mais diariamente, um recurso nobre que era utilizado no deslocamento cotidiano, e que 45% deles aproveitaram esse tempo para estudar, se aperfeiçoar a aprimorar seu trabalho, tanto que 75% disseram ter conseguido manter a produtividade, o ritmo de trabalho e o volume de entrega nos projetos.


Os resultados dessa pesquisa foram essenciais para o então comitê de crise elaborar as próximas ações da everis para assegurar o bem-estar no ambiente de trabalho durante o restante do período de quarentena e a já programar o retorno ao next normal, estabelecendo um novo comitê de R2NN (Road to Next Normal) alinhado com melhores práticas e experiências globais da companhia. “Percebemos que era totalmente viável propormos um modelo de trabalho mais participativo, colaborando para a melhor integração entre as equipes e seus gestores, bem como definirmos um modelo híbrido para o retorno aos escritórios, pois dessa forma atenderíamos também a necessidade de ter relações interpessoais presenciais”, salienta o CEO.


Com o intuito de continuar monitorando as percepções da equipe everis durante a pandemia e suas expectativas futuras, a everis fez uma segunda pesquisa sobre o trabalho remoto, respondida por 1742 pessoas. Na segunda edição, 70% qualificaram seu bem-estar positivamente e disseram que têm conseguido equilibrar bem a vida pessoal e profissional, apesar de citarem palavras como ansiedade e preocupação para classificar o momento. De maneira geral, os colaboradores se sentem apoiados pelos benefícios recebidos da companhia, mesmo com a brusca mudança de rotina, e aproximadamente 71% vêm mantendo com facilidade o ritmo, a qualidade e a pontualidade de suas entregas. 84% consideram o trabalho em grupo, mesmo à distância, produtivo.


“Nessa segunda pesquisa ficamos felizes porque a liderança da everis está sendo reconhecida por seu empenho em manter contato com a equipe, com empatia e mostrando cuidado com o bem-estar das nossas pessoas”, comemora Neves. O estudo também constatou que 60% dos respondentes ainda não se sentem confortáveis para sair de casa e 23% ainda estão incertos, ou seja, a maioria não se sente confortável para voltar ao trabalho presencial. O CEO adiciona que seja dos escritórios da everis ou do cliente, ou de ambos, cerca de 91% dos talentos não desejam um retorno a rotina aos escritórios até que surja uma vacina para a Covid-19.


Considerando as opiniões dos profissionais e as pesquisas realizadas diretamente com os clientes, segundo Neves, a previsão é de que os colaboradores da everis continuem em home office até final de janeiro de 2021. Nessa data, eles voltarão aos escritórios da consultoria em um modelo híbrido, com parte do tempo trabalhando na companhia e outra parte remotamente – nos escritórios, centros de pesquisa e desenvolvimento da consultoria ou em hubs regionais a serem definidos para facilitar reuniões das equipes de trabalho. “Mas procuramos manter um modelo flexível, mesmo agora durante a quarentena, por isso, caso o colaborador tenha uma situação pessoal e prefira retornar antes ao trabalho presencial, ele só precisa falar com seu gestor direto para viabilizar sua volta”, detalha o executivo da everis.


“Depois das lições aprendidas nos últimos meses, estamos trabalhando também para atualizar e desenvolver ainda mais os programas Everflex, de benefícios flexíveis, everisWay, de coaching com um profissional experiente da everis, Equilibra, série de iniciativas que incentivam os colaboradores a fazerem pausas durante a jornada do trabalho, e das iniciativas de Smart Working, sobre melhores práticas do trabalho remoto em equipe e de ergonomia do local de trabalho”, ressalta Neves. Outra preocupação frequente da everis tem sido com o estado de saúde dos profissionais, que são solicitados a atualizarem seus status na plataforma ECHOS Remote, gerida com o apoio da Sharecare, pelo menos uma vez por semana.


Para assegurar a cibersegurança de sua infraestrutura, a everis tem se mantido vigilante em relação a possíveis ataques cibernéticos, que têm crescido de maneira alarmante durante a pandemia, contando com a colaboração de seus profissionais para respeitar sua Política de Segurança Colaborativa e ao Código de Ética e Conduta e se conectado semanalmente a sua VPN para baixar atualizações de segurança da informação.


Engajamento do CEO

Em situações críticas como a atual, quaisquer iniciativas dependem do engajamento das lideranças para ser bem-sucedida. No caso da everis, a situação foi peculiar, pois o CEO da operação brasileira teve de assumir no início da pandemia, já remotamente. Ricardo Neves está à frente da empresa há cinco meses e trabalhou de casa todo esse período, só em agosto começou a ir ao escritório uma ou duas vezes por semana para acompanhar as mudanças que estão sendo realizadas para receber a equipe a partir de janeiro de 2021.


Sem conhecer pessoalmente nem os sócios, a diretoria ou os gerentes, Neves pediu apoio ao Marketing da everis para desenvolver uma série de ações de comunicação, aproximação e relacionamento com todos os colaboradores da empresa, aproveitando sua base de ferramentas de colaboração. “Conduzi vários eventos de forma virtual, entre eles 20 “happy hours com o CEO”, nos quais contei com a participação de cerca de 1.300 colaboradores; oito cafés da manhã com participação média de cerca de 100 executivos em cada um; e em uma ação recente – a “Pizza com o CEO” com times de atendimento de clientes, nos quais envio as pizzas para a casa dos profissionais para comermos juntos virtualmente”, detalha. Além disso, sempre que é informado por Recursos Humanos de que algum colaborador está passando por uma situação difícil, o CEO faz questão de reservar alguns minutos para uma conversa por telefone.


Outras ações bem-sucedidas foram o evento everis Talks Digital Conference, primeira conferência on-line para discussão de temas relevantes para a transformação digital das empresas, na qual Neves e o C-Level da everis puderam estreitar relações com clientes, parceiros e funcionários, e uma grande festa junina virtual, que contou com a participação on-line real-time de mais de 1.300 colaboradores, de suas casas com suas famílias, que aproveitaram o momento e enviaram fotos e interações.


“Para se ter uma ideia, em meus 100 dias como CEO da everis, eu já dediquei mais de 100 horas para interagir individualmente e trocar experiências com profissionais de diferentes equipes da companha no Brasil e no mundo, ou seja, dediquei quase 12 dias apenas para me comunicar com as pessoas”, destaca Neves. Ele conta que a everis vem desenvolvendo ainda algumas ações sociais, como uma ação recente que liderou para doação de cestas básicas às pessoas carentes. “Durante esta ação, eu prometi que pagaria uma prenda caso chegássemos a uma meta pré-estabelecida. Nós chegamos perto, mas não alcançamos, mas de qualquer forma, vou pagar a promessa”, garante.


Sobre a everis


A everis é uma empresa do grupo NTT DATA que oferece soluções comerciais e estratégicas, desenvolvimento e manutenção de aplicações tecnológicas e serviços de terceirização. A empresa, que conduz suas atividades nos setores de bancos, seguros, indústria, serviços públicos, telecomunicações, administração pública e saúde, obteve um faturamento de 1.4 bilhão de euros no último exercício. Atualmente, conta com mais de 24.500 profissionais distribuídos em seus escritórios e centros de alto desempenho em 18 países.


A NTT DATA é uma prestadora de serviços de TI e parceira de inovação global líder de mercado, sediada em Tóquio, com operações comerciais em mais de 50 países. Nosso foco está no compromisso de longo prazo, combinando alcance global com intimidade local para fornecer serviços profissionais de primeira, que variam de consultoria e desenvolvimento de sistemas a terceirização. Para mais informações, visite www.nttdata.com<http://www.nttdata.com>.

12 visualizações

+55 (11) 2844-1921
Email: contato@market21.com.br

Av Marcos Penteado  de Ulhôa Rodrigues, 4053 - Sala  303D - Tamboré CEP: 06543-001 - Santana do Parnaíba - SP

  • LinkedIn Market21
  • Curta nossa página
  • Vídeos Markete 21

​​​​© 2019 desenvolvido por Market21 Comunicação - Todos os direitos reservados